CEPESE CEPESE | CENTRO DE ESTUDOS DA POPULAÇÃO, ECONOMIA E SOCIEDADE

A introdução e difusão da palavra Contabilidade em Portugal

Diogo FerreiraFernando de SousaRicardo Rocha
2018
14 páginsa

A compreensão da génese, utilização e generalização do vocábulo Contabilidade em Portugal e da evolução do seu sentido é determinante para se saber do que se fala quando se aborda a Contabilidade num determinado momento histórico ou as inter-relações no contexto em que esta opera, permitindo aos historiadores da Contabilidade reforçarem a cientificidade dos seus enunciados. Não obstante, esta questão não conta ainda com um substrato sólido de trabalhos empíricos, desconhecendo-se, por exemplo, a partir de que momento é que tal palavra começou a ser utilizada, quer na legislação, quer em compêndios ou manuais da especialidade. A consulta de fontes históricas permite-nos concluir que, apesar de a palavra Contabilidade ter sido utilizada pela primeira vez na língua portuguesa em 1786, por Rodrigo de Sousa Coutinho, e ter sido introduzida na legislação portuguesa em 1797, só a partir da década de 1930 é que se assistiu ao triunfo da palavra Contabilidade sobre a Escrituração nos títulos dos manuais e compêndios da especialidade, a acompanhar o reconhecimento da Contabilidade como ciência.


Palavras-chave: História da Contabilidade; Portugal; etimologia; Rodrigo de Sousa Coutinho; escrituração